Selecione seu Estado São Paulo
Sábado, 25 de Janeiro de 2020


E-mail:
Senha:
Cadastre-se Login
Acessando.... Erro ao acessar. Esqueceu sua senha?

Parceria entre Affix e Unimed-SE cria novas oportunidades para o mercado de Aracaju

Fonte: Data: 03 dezembro 2019 Nenhum comentário

Após um voo com duração de um pouco mais de duas horas, cheguei a Aracaju, cidade sobre a qual só sabia que era a capital do menor estado brasileiro, onde fui recebido no aeroporto pela simpática Valglécia Lima, gestora comercial da Affix – minha anfitriã.

Nesta viagem, mais uma que faço com a Affix, entendi melhor a estratégia empreendedora de Pedro Rezende, CEO da administradora que ele criou com o dinheiro que recebeu do fundo de garantia depois que deixou a AON. Mas eu juro que não vou revelar as estratégias de Pedro.

Pedro não tem pressa, mas com apenas seis anos de atividade, a Affix já está presente em 19 estados, possui 15 filiais, brigou pelo primeiro lugar do prêmio ReclameAqui, e se orgulha do RA1000, também do ReclameAqui, conquistado pela boa pontuação (8,6) alcançada na instituição.

O sucesso de um empreendimento, sabemos, está diretamente relacionado à boa gestão do negócio. Contar com um diretor comercial de confiança e totalmente engajado, também faz parte disso que chamamos “boa gestão”.

E a boa gestão da Affix chegou a Aracaju em voo direto partindo de São Paulo.

“Foram dois anos de negociações com a Unimed Sergipe e hoje, finalmente, temos a alegria de celebrar esse importante passo que estamos dando na mesma direção’, exclamou Régis, após dar as boas-vindas aos corretores convidados.

O evento aconteceu no terraço de um restaurante. O cenário não podia ser melhor. Céu estrelado, brisa do mar, MPB ao vivo e ainda a gastronomia local. Régis Costa reafirmou os valores da Affix e o compromisso da administradora com a ética e a pontualidade nos pagamentos de comissões.

Auxiliado por um telão, Pedro Rezende explicou o produto adesão da Affix em parceria com a Unimed SE, comissionamento e arrancou aplausos da plateia quando cedeu aos apelos e foi melhorando os valores dos prêmios da campanha que serão pagos em dinheiro. Como sempre acontece nessas ocasiões, Pedro Rezende se revela um “socialista”. Além de melhorar o prêmio, Rezende, em dobradinha com Regis, prometeu levar para um passeio a São Paulo os campeões de venda do produto novo. “O primeiro vendedor que vender 30 vidas será levado para um passeio a São Paulo”, prometeu. Mas, assim como os prêmios em dinheiro, a viagem, enquanto prêmio, teve suas regras alteradas para alcançar outros corretores.

A empolgação foi contagiante.

Nesta viagem, além de testemunhar mais um lançamento da Affix, tive também a oportunidade de reencontrar amigos como: Tadeu Bezerra e Elaine, ambos funcionários da Qualicorp na época em que a administradora começava suas atividades na Av. Ipiranga, em São Paulo. Tadeu, que agora mora em Aracaju, é hoje um corretor bem-sucedido. Um produtor de Affix. Elaine é gestora da Affix, mora em Salvador e não troca a cidade por nada.

Em meio a tanta cara nova, tive a oportunidade de conhecer Érico Melo, presidente do Sincor-SE, com quem conversei por um longo tempo a respeito de saúde suplementar e as questões políticas da área.

O evento foi tão otimista que, no final, 80% das mesas ainda estavam ocupadas pelos convidados da Affix, que prometeu a implantação das vendas online até o final de dezembro.

E assim os corretores de Aracaju celebraram uma parceria que exigiu uma longa análise da Unimed-SE e muita paciência e determinação da Affix.

 

Para participar e deixar sua opinião, clique aqui e faça login.

 

Últimas