Selecione seu Estado São Paulo
Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2021


E-mail:
Senha:
Cadastre-se Login
Acessando.... Erro ao acessar. Esqueceu sua senha?

Celulares e notebooks oferecem amplo mercado para corretores

Fonte: Data: 27 novembro 2020 Nenhum comentário

Estudos indicam que no Brasil, há 342 milhões de dispositivos portáteis, entre celulares, notebooks e tablets, mas apenas 16% dos internautas brasileiros com smartphone declaram ter seguro contra roubo ou furto do seu aparelho. “Esse percentual é maior entre aqueles que já foram vítimas desse crime (18%) do que entre os que não foram (14%). Isso mostra que é muito grande o potencial desse mercado. E se estamos falando de potencial de mercado, entendo que é de total interesse dos corretores”, afirma o diretor Comercial de Parcerias da Zurich no Brasil, Sidemar Spricigo, em entrevista ao CQCS.

Ele enfatiza ainda que, em momentos de recessão econômica, a proteção dos bens, torna-se importante para as pessoas, pois é uma forma de minorar os riscos e perdas de patrimônio. Assim, como, em média, os smartphones têm preços altos, já que oferecem grande valor agregado, dadas as funcionalidades que proporcionam, é importante que os corretores ofertem esses seguros não só por uma questão de ganho econômico, mas também por ser uma forma de prestação de serviço, já que muitos clientes (ou potenciais clientes) desconhecem os benefícios dos seguros para celular.

Para ele, há bons motivos para o corretor de seguros ficar atento a esse mercado. Spricigo cita estudo do Centro de Tecnologia de Informação Aplicada da Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas, segundo o qual em junho deste ano havia 234 milhões de smartphones. O número salta para 342 milhões de dispositivos se forem somados notebooks e tablets, o que dá 1,6 dispositivo portátil por habitante.

Esse número deve aumentar de forma expressiva após a Black Friday, pois levantamento da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), feito em parceria com o Neotrust-Compre&Confie, aponta que em 2020 as vendas devem ser 77% superiores que as da edição do ano passado. “A Zurich, que viu as vendas do seguro para celular crescerem 5% em média nas duas últimas edições da Black Friday, aposta na disposição dos consumidores em 2020 e na conscientização da importância de eles contarem com tal serviço. Queremos, portanto, aumentar as vendas e nosso market share nesse segmento” frisa o executivo.

Otimista quanto ao futuro do setor, Spricigo revela que a Black Friday deste ano, marcada pela pandemia, traz muitas oportunidades para atividade de seguros. 

Segundo ele, esta edição da Black Friday, devido à pandemia, vem sendo apontada por diversos especialistas como a maior de todos os tempos no e-commerce. “Por essa razão, a Zurich, junto com seus parceiros do varejo – que são os maiores players do setor – participa de várias ações promocionais que fomentam a venda de seguros, especialmente para celular”, observa o executivo, acrescentando que o motivo para a companhia fazer uma ação com celulares é porque esse é o item mais desejado de compra na data.

A campanha permite ao cliente contratar uma proteção para o celular por 24 meses, mas pagando pelo equivalente à metade desse período.

A promoção é válida somente para Seguro de Roubo e Furto Quali­ficado ou Quebra Acidental de smartphone. No entanto, os segurados podem contar com os benefícios de outros seguros. “Por isso, nós faremos promoções para o Garantia Estendida também: quem contratar proteção por 24 meses, ganhará por mais 12 meses. Ou seja: paga por 24 e leva 36 meses”, explica o diretor da Zurich.

A campanha não contempla o Seguro Prestamista, mas é um produto oferecido pela Zurich por ter ganho importância com a crise econômica atual causada pela pandemia.

Já o Seguro de Roubo e Furto Quali­ficado ou Quebra Acidental da Zurich para smartphone, que também pode ser contratado para proteger outros eletrônicos como tablets, notebooks e câmeras, garante ao cliente um novo aparelho por modelos iguais ou similares, limitado ao valor da cobertura contratada, ou reparo, caso ocorra alguns dos incidentes. E, mesmo que não seja possível repor o mesmo item, será pago ao cliente uma indenização no valor do bem segurado. “A proteção para o celular se tornou um instrumento importante, pois cresce cada vez mais o número de brasileiros vítimas de roubo ou furto. Segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, aparelhos celulares foram os itens mais roubados na cidade entre janeiro e agosto de 2020: a cada 10 assaltos, em seis os ladrões subtraíram os aparelhos de suas vítimas. Sabemos que esse tipo de ocorrência é comum também em outras capitais do país”, observa.

Ele lembra ainda que a Zurich comercializa, também em parceria com varejistas parceiros, o Seguro Garantia Estendida para eletrodomésticos, eletro portáteis, equipamentos eletrônicos móveis, celulares, entre outros.

Na prática, trata-se de uma proteção que garante ao segurado a extensão da garantia original de fábrica.

O cliente que compra no varejo conta também com outro seguro de Reparo de Danos Acidentais: caso aconteça algum dano acidental com o aparelho, o segurado aciona esse seguro para cobrir o conserto, garantindo novamente o funcionamento do bem, respeitando as demais condições do seguro. E, caso não for possível o reparo, ele tem direito a um novo aparelho.

 

Para participar e deixar sua opinião, clique aqui e faça login.

 

Últimas

 

agencialink.com é o nome fantasia da Razão Social:
ART Tecnologia de Sistemas S/S Ltda.
CNPJ: 10.199.185/0001-69
Av. Jabaquara, 2860 - Sobre Loja - São Paulo, SP - 04046-500 - Brasil